Telas de proteção para combater o desperdício de água

Para quem acha que o uso das redes e telas de proteção está limitado somente para cobrir janelas, piscinas e quadras, está muito enganado(a).  Elas também podem ser usadas para ajudar na irrigação de plantas e evitar o desperdício de água neste período de chuvas escassas. Quem deu um exemplo disso foi um empresário de Sertãozinho, no interior de São Paulo, que criou um jeito bastante prático para cultivar 19 mudas de manacás-da-serra ao longo de uma calçada. E um dos procedimentos envolve o uso de telas de proteção, cujo material também é vendido pela Poli-Redes,  que trabalha há 11 anos com redes e telas de proteção.

De acordo com a reportagem divulgada no site do G1, Waldir Celso Reis colocou redes de proteção em volta das plantas. A partir daí, instalou junto a cada muda um galão de água de cinco litros com um gotejador regulável. “Optei pela irrigação com o gotejador porque o manacá é uma planta que requer muita umidade, principalmente no primeiro ano de vida. Com o gotejador, é possível regular o fluxo e a vazão da água. Brinco que o sistema fica semelhante a um soro de hospital. É como se a árvore estivesse tomando o soro constantemente”, explica.

De acordo com ele, o investimento para cada árvore – incluindo valor da muda, montagem das telas de proteção e o sistema de gotejamento – foi de R$ 250. Com pouco mais de um mês desde o plantio, as mudas ficaram enraizadas.

Se a sugestão do empresário interessou principalmente você que possui plantas em casa, ou que trabalha em sítios, etc, então por que não liga para a Poli-Redes e agende uma visita para conhecer as opções que a empresa oferece a você e por um preço que cabe no seu bolso?

A equipe da Poli-Redes  espera o seu contato pelos  telefones (11) 4790-2902 , 4790-5573 e 0800-774-2902 (litoral).

Categories: Sem categoria

    Comentários

      Categorias